Lição 08: HEBREUS 11 – A Galeria dos Heróis da Fé | 2° Trimestre de 2022 | EBD – PECC

EBD Pecc (Programa de Educação Cristã Continuada) 2° Trimestre De 2022 | Tema: HEBREUS E TIAGO – Jesus: Autor e Consumador da Fé Escola Biblica Dominical | Lição 08: HEBREUS 11 – A Galeria dos Heróis da Fé

SUPLEMENTO EXCLUSIVO DO PROFESSOR

Afora a suplemento do professor, todo o conteúdo de cada lição é igual para alunos e mestres, inclusive o número da página.

ORIENTAÇÃO PEDAGÓGICA

Em Hebreus 11 há 40 versos. Sugerimos começar a aula lendo, com todos os presentes, Hebreus 11.1-22 (5 a 7 min.). A revista funciona como guia de estudo e leitura complementar, mas não substitui a leitura da Bíblia.

Queridos professores, observem que o capítulo 10 termina falando de fé, dizendo o justo viverá da fé se ele recuar, Deus não tem prazer nele. O capítulo 11 é um grande poema da fé, define, exalta os heróis da fé e suas conquistas. O escritor de Hebreus conclui falando que esses personagens tiveram o mérito reconhecido ou alcançaram testemunho. O capítulo 12 vai iniciar alertando que estamos rodeados de uma nuvem de testemunhas que são esses heróis do capítulo 11. Conclui falando que eles não são aperfeiçoados sem nós porque o próximo capítulo vai falar da igreja.

OBJETIVOS

Compreender a natureza da fé.
Conhecer os heróis da fé.
Exaltar a recompensa da fé

PARA COMEÇAR A AULA

Seria interessante perguntar aos alunos quantos tiveram alguma experiência de fé. Um milagre, uma cura, uma porta aberta, uma intervenção divina por conta de uma oração. Deixe-os à vontade para contar seus testemunhos, suas histórias de fé. Após isso, a aula é iniciada com a leitura do capítulo inteiro. Se a classe for grande, mais de 40 alunos, peça que cada um grave um versículo para que a leitura fique mais interessante.

LEITURA ADICIONAL

A fé que não retrocede (Hb 11.1-40)
DEPOIS DE DIZER AOS CRENTES hebreus que não somos daqueles que retrocedem para a perdição, mas somos da fé, para a conservação da alma (10.39), o autor dessa epístola introduz o mais longo capítulo da carta, falando sobre a fé que não retrocede (11.140). Ele faz uma retrospectiva histórica do povo de Israel desde os seus primórdios até seus dias, mencionando vários heróis da fé. Segundo Donald Guthrie, o propósito do escritor é ilustrar a continuidade entre os cristãos hebreus e os homens piedosos da Antiguidade. Suas proezas são vistas como um prelúdio apropriado para a era cristã (11.39,40). Walter Henrichsen destaca o fato de que nessa longa lista só se faz menção de um clérigo Samuel e apenas de passagem. Lavradores, políticos e empresários são esses homens que Deus selecionou no Antigo Testamento para reconhecimento especial.

Concordo com Wiley quando ele diz que Hebreus 11 é um dos textos mais grandiosos da Bíblia, pois nele estão os heróis e os mártires que os judeus e cristãos se deleitam em honrar. Certamente a intenção do escritor era não apenas encorajar seus leitores a permanecerem firmes na fé, a despeito das perseguições, mas também dar a eles um substancioso relato da história do povo de Deus ao longo dos séculos. Os que são de Deus permanecem na fé; os que retrocedem, viram as costas para Deus e apostatam, esses jamais conheceram a Deus nem foram por ele conhecidos. É hora de entrarmos pelos corredores da história e nos posicionar nesse vasto salão, para contemplar os quadros mais famosos, na galeria dos heróis da fé. Vamos à exposição do texto.

Livro: Hebreus, A Superioridade de Cristo (Hernandes Dias Lopes. São Paulo, Hagnos, 2018, pg. 147).

TEXTO ÁUREO

“De fato, sem fé é impossível agradar a Deus, porquanto é necessário que aquele que se aproxima de Deus creia que ele existe e que se torna galardoa- der dos que o buscam.”
Hb 11.6

LEITURA BÍBLICA PARA ESTUDO

Hebreus 11.1-22

VERDADE PRÁTICA

A fé conecta o homem frágil ao Deus Todo Poderoso.

INTRODUÇÃO
I- A FÉ Hb 11.1-3
1-
A Definição de fé Hb 11.1
2– A Origem da fé Hb 11.2
3– O poder da fé Hb 11.3
II- OS EXEMPLOS DE FÉ Hb 11.4-32
1
– Abel, Enoque, Noé e Abraão Hb 11.4-10
2– Sara, Isaque, Jacó e José Hb 11.11- 22
3– Moisés, Josué, Raabe e outros Hb 11.23-38
III- A HERANÇA DA FÉ Hb 11.33-40
1
– Venceram pela fé Hb 11.33-34
2– Não alcançaram as promessas Hb 11.39
3– Promessa do nascimento e volta do Messias Hb 11.40
APLICAÇÃO PESSOAL

DEVOCIONAL DIÁRIO

Segunda – Romanos 4.17
Terça – Romanos 4.19
Quarta – Hebreus 1.1
Quinta – Hebreus 11.11
Sexta – Hebreus 11.12
Sábado – Hebreus 11.33-34

Hinos da Harpa: 126-84

INTRODUÇÃO

No capítulo anterior, o escritor se esforçou para fortalecer a fé dos cristãos em meio às perseguições, afirmando, nos dois últimos versículos, que o justo viveria da fé, não poderia recuar, ressaltando que não somos dos que retrocedem, mas dos que creem para conservação da alma, dos que avançam como vencedores, dos que almejam chegar à terra prometida. É nesse contexto que ele começa o capítulo 11 tratando da fé, dos exemplos do Antigo Testamento e da promessa reservada para os heróis da fé.

1- A FÉ (Hb 11.1-3)

1- A definição de fé (Hb 11.1) “Ora, a fé é a certeza de coisas que se esperam, a convicção de fatos que se não veem.”

Um homem chamado George Muller disse: ”A fé não é saber que Deus pode; é saber que Deus quer”, Charles Stanley afirmou que “A fé em Jesus ri das impossibilidades!”. Outro escritor disse: “A fé é o elo que liga a nossa insignificância à onipotência divina”, certo autor afirmou: ”A fé é morta para a dúvida, surda para o desencorajamento e cega para as impossibilidades”. Spurgeon dizia que uma pequena fé levará a sua alma ao céu, mas uma grande fé trará o céu à sua alma. Agostinho disse que fé é crer no que não vemos e a recompensa dessa fé é ver o que cremos. O Escritor de Hebreus nos ensina que a Fé é um firme fundamento do que ainda estamos esperando e a prova daquilo que não vemos ainda. Podemos compreender pelas Escrituras que existem 3 tipos de fé;

a) A fé natural, que é a confiança, pisamos no pedal de freio do carro e acreditamos que vai parar,
b) A fé comum para a salvação (Tt 1.4), que une todos os cristãos, e,
c) A fé sobrenatural ou dom da fé (1 Co 12.9).

2- origem da fé (Hb 11.2) “Pois, pela fé, os antigos obtiveram bom testemunho.”

A verdadeira fé é gerada pelo Espírito Santo no coração do crente através da Palavra de Deus (Rm 10.17). A fé tem suas raízes e frutos provados na vida dos antigos, dos patriarcas, começando com os exemplos de Abel, Enoque, Noé, Abraão, Isaque, Jacó e os demais exemplos relatados neste capítulo. Dentre os exemplos citados, Abraão é destacado como “Pai da fé” (Rm 4.12), chamado de amigo de Deus (Tg 2.23). A verdadeira fé não depende de shows pirotécnicos, não depende de jargões gospels, não depende de mensagens de auto estima, não depende de inovações pós modernas. O Pai da fé subiu o monte Moriá sozinho, levando seu próprio filho para o sacrifício. Abraão ordenou que os seus auxiliares ficassem em um determinado lugar da subida e disse: “eu e o rapaz iremos até lá e, havendo adorado, voltaremos para junto de vós.” (Gn 22.5).

3- O poder da fé (Hb 11.3) “Pela fé, entendemos que foi o universo formado pela palavra de Deus, de maneira que o visível veio a existir das coisas que não aparecem”

“Pela fé.” Essa é a primeira ocorrência numa série de 21 usos da expressão pela fé. Ele começa suas ilustrações sobre a demonstração da fé sobre a criação. Ninguém estava presente na criação para observar a formação do mundo. “Onde estavas tu, quando eu lançava os fundamentos da terra?”, Deus pergunta a Jó (38.4). Como não havia ninguém presente quando aconteceu a criação, testemunhas oculares não existem. O homem deve confiar no que Deus revelou sobre si a respeito da criação do universo e da formação do mundo. “Entendemos”. Ao usar o plural, o autor inclui a si mesmo e a todos os seus leitores na confissão de que Deus criou o mundo. “O universo foi formado pela palavra de Deus”.

Deus criou o mundo de tal maneira que o homem pode entender sua origem somente pela fé. Deus fez o mundo por Seu comando, pois Ele falou, e tudo se fez; Ele ordenou, e tudo passou a existir. A fé é a confiança em Deus que o crente expressa através de sua vida e também quando enfrenta perturbadora dúvida. O homem moderno se recusa a aceitar a narrativa da criação registrada em Gênesis, rejeitando a Deus e a Sua Palavra. Para ele, o ensino das teorias da evolução, reencarnação, Big Bang etc. resolvem o problema e respondem às questões. Contra a descrença, o cristão firmemente mantém sua fé. Ele ensina com confiança a narrativa da criação que Deus revelou na Escritura.

II- OS EXEMPLOS DE FÉ (Hb 11.4-32)

1- Abel, Enoque, Noé e Abraão (Hb 11.410) “Pela fé Abel ofereceu a Deus mais excelente sacrifício do que Caim… Pela fé Enoque foi trasladado para não ver a morte… Pela fé Noé preparou a arca… Pela fé Abraão obedeceu, e partiu, sem saber aonde ia…”

a) ABEL. O primeiro herói da fé. Vale destacar que o homem que abre a galeria dos heróis da fé, está aqui nesta relação porque deu UMA OFERTA Deus atentou para Abel e para sua oferta. Deus recebeu o seu sacrifício e por causa dessa oferta Abel continua falando depois de morto.
b) ENOQUE. ”Andou Enoque com Deus e já não era” (Gn 5.24). Enoque andou tanto com Deus que ficou parecido com Ele e finalmente já não era. Deus o tomou para si, foi absorvido, trasladado. Que assim seja conosco. “Até que Cristo seja formado em vós” (Gl 4.19) e até que Ele venha. Maranata.
c) NOÉ. A atitude de fé de Noé salvou a sua família e condenou o mundo. O escritor de Hebreus diz que Noé foi divinamente avisado de coisas que ainda não se viam. Diante do aviso de Deus, ele temeu e construiu a arca, contrariando a lógica humana. Isso é uma fé genuína.
d) ABRAÃO. Esse é conhecido como o pai da fé, amigo de Deus, por isso merece o grande número de menções neste capítulo e em toda a Bíblia:
1) ao ser chamado obedeceu,
2) saiu sem saber para onde ia,
3) habitou como peregrino na terra da promessa,
4) morou em cabanas,
5) esperou a cidade que tem fundamentos,
6) ofereceu o seu UNIGÊNITO.
Através de sua fé, Abraão tornou-se Pai de multidões.

2- Sara, Isaque, Jacó e José (Hb 11.11-22) Pela fé Sara recebeu o poder para ser mãe não obstante o avançado de sua idade…Pela fé !Isaque abençoou Jacó e Esaú…Pela fé Jacó abençoou os seus filhos e adorou encostado no cajado…Pela fé José mencionou a saída dos filhos de Israel do Egito e deu ordens acerca de seus ossos…”

a) SARA. Ela engravidou aos 90 anos. Deu a luz fora da idade. Ela creu em quem prometera. A fé faz que os velhos voltem a sonhar, façam planos, viagens, e deem frutos viçosos e florescentes. Através da fé a estéril deu à luz, tornando-se mãe de gerações, mãe de multidões. A fé não enxerga nossas limitações. A fé fez Sara voltar a sorrir! (Isaque significa “riso”).
b) ISAQUE. O filho de Abraão aprendeu com o Pai da fé a conquistar o impossível. Durante um tempo de escassez e habitando em terra estranha, Isaque plantou e colheu 100 vezes mais (Gn 26.12). Pela fé ele abençoou seus filhos e futuras gerações.
c) JACÓ. Ele nasceu agarrado no calcanhar do irmão, ele desejou a primogenitura, ele roubou a bênção do seu irmão Esaú, mas apesar dos seus erros, Deus apareceu para Jacó em Betel, Deus o fez prosperar na casa de Labão, Deus revelou a hora que o mesmo deveria fugir e finalmente Deus o encontrou no vau de Jaboque, tratou o seu caráter e lhe deu o nome de Israel.
d) JOSÉ. O jovem que, com cerca de 17 anos, foi chamado de “sonhador-mor” e vendido pelos irmãos, caluniado pela patroa e esquecido na prisão pelo homem que ele ajudou, veio a se tornar governador do Egito. Pela fé, demonstrou que conhecia e confiava na promessa de Deus feita ao seu povo e crendo, deu ordens para que seus ossos fossem transportados do Egito.

3- Moisés, Josué, Raabe e outros (Hb 11.23-38) “Pela fé Moisés foi escondido por três meses…Pela fé Josué viu a queda dos muros de Jericó…Pela fé Raabe, a meretriz, não foi destruída com os desobedientes…”

a) MOISÉS. Ele nasceu em tempo que era proibido nascer. Mas seus pais o esconderam pela fé. Ele recusou os benefícios do palácio para sofrer com o seu povo, desprezou os tesouros do Egito, celebrou a páscoa, passou o Mar Vermelho. Ele fez tudo isso pela fé, porque tinha em vista A RECOMPENSA (Hb 1.26).
b) JOSUÉ. O episódio da queda dos muros de Jericó destaca a pessoa de Josué, o moço que não se apartava da tenda, se tornou o general de Moisés e o seu sucessor. Apesar da experiência de guerra, ele sabia que as muralhas de Jericó eram indestrutíveis, por isso, ao se encontrar com o príncipe dos exércitos do Senhor, tirou as sandálias dos pés e adorou, em outras palavras, Josué passou o comando da Batalha para Deus. Resultado: as muralhas vieram ao chão.
c) RAABE. Essa mulher é mencionada na genealogia do Senhor Jesus Cristo e na galeria dos heróis da fé, onde só ela e Sara aparecem, e o que é mais intrigante, ela encerra as citações diretas enquanto o escritor diz que faltaria tempo para falar de Gideão, Baraque, Sansão, Davi, Samuel e dos profetas, pessoas das quais o mundo não era digno (Hb 11.38). Raabe foi destacada aqui mais do que esses grandes homens de Deus. Ela reconheceu o Deus de Israel como único Deus, ela escondeu os espias, ela intercedeu por sua família.

III- A HERANÇA DA FÉ (Hb 11.33-40)

1- Venceram pela fé (Hb 11.33-34) “os quais, por meio da fé, subjugaram reinos, praticaram a justiça, obtiveram promessas, fecharam a boca de leões, extinguiram a violência do Jogo, escaparam ao fio da espada, da fraqueza tiraram força, fizeram se poderosos em guerra, puseram em fuga exércitos de estrangeiros.”

Fé e vitória estão intimamente associadas. Todos os exemplos citados em Hebreus 11 venceram pela fé. Um povo humilde e sem treinamento militar venceu o exército de Faraó, rodeou as muralhas de Jericó e elas caíram, Gideão venceu um grande exército com trezentos homens, o menino Davi venceu um gigante com uma funda, algumas pedrinhas e um cajado de pastor. Moisés venceu os amalequitas apenas levantando as mãos. O rei Josafá venceu o inimigo com um exército de músicos na frente da infantaria. Abraão ofereceu seu filho e isso lhe foi imputado como justiça Daniel foi lançado na cova dos leões, mas pela fé, os leões jejuaram naquela noite. Misael, Ananias e Azarias andaram com o quarto homem da fornalha e pela fé apagaram a força do fogo.

2- Não alcançaram as promessas (Hb 11.39) “Ora, todos estes que obtiveram bom testemunho por sua fé não obtiveram, contudo, a concretização da promessa.”

Algumas promessas nós não alcançaremos em vida, mas a nossa posteridade alcançará. Aqui respondemos a pergunta: Quem tem promessa de Deus, morre? Resposta: SIM. Moisés não entrou em vida na terra prometida, mas alcançou pela fé, sua posteridade possuiu a terra e seu discípulo Josué entrou. O versículo 39 reafirma que eles não alcançaram A PROMESSA. Essa promessa refere-se, possivelmente, ao nascimento de Jesus e à volta de Jesus, a parusia, ou bem aventurada esperança.

3- Promessa do nascimento e volta do Messias (Hb 11.40) “Por haver Deus provido coisa superior a nosso respeito, para que eles, sem nós, não fossem aperfeiçoados.”

Após uma série de elogios honrosos aos heróis da fé, o escritor de hebreus conclui o capítulo 11 dizendo que apesar de terem alcançado testemunho, apesar do destaque, eles não alcançaram a promessa. Aqui o escritor está se referindo à vinda de Jesus ao mundo por seu nascimento e pode também alcançar a bem aventurada esperança, à parousia, à nossa reunião com Cristo nas nuvens, a segunda vinda de Cristo.

APLICAÇÃO PESSOAL

Realmente, sem fé é impossível agradar a Deus. Siga o exemplo dos heróis do Antigo e Novo Testamentos. Procure sempre viver, andar e conquistar pela fé e em breve ser arrebatado para junto de Deus.

Gostou do site? Ajude-nos a manter e melhorar ainda mais este Site.
Nos abençoe com Uma Oferta pelo PIX: CPF 346.994.088.69 – Seja um parceiro desta obra. “(Dai, e dar-se-vos-á; boa medida, recalcada, sacudida, transbordante, generosamente vos dará; porque com a medida com que tiverdes medido vos medirão também. Lc 6:38)”

RESPONDA

1) Que tipo de fé é mencionada em 1 Coríntios 12.9? R. Fé natural ou dom da fé
2) Quem ficou conhecido como “Pai da fé”? R. Abraão
3) Quais as duas mulheres que integraram a galeria dos heróis da fé? R. Sara e Raabe

SAIBA MAIS SOBRE A ESCOLA DOMINICAL

Adultos CPAD

Adultos Betel

Jovens CPAD

Jovens Betel

Adolescentes CPAD

EBD Juniores Professor CPAD

EBD Revista PECC

EBD Pecc (Programa de Educação Cristã Continuada) 2° Trimestre De 2022 | Tema: HEBREUS E TIAGO – Jesus: Autor e Consumador da Fé Escola Biblica Dominical | Lição 08: HEBREUS 11 – A Galeria dos Heróis da Fé

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.